Atualidade

Esta app controla a fertilidade e já foi aprovada pelo Infarmed

A Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde registou, em agosto, uma aplicação que determina os dias férteis e inférteis do ciclo menstrual.
Por Marta Carvalho, 03.10.2017
Chama-se Natural Cycles e foi criada por Elina Berglund, uma física que desenvolveu um algoritmo para controlar o ciclo menstrual e determinar os dias férteis e inférteis a partir da medição diária da temperatura do corpo. A aplicação para o telemóvel é muito simples de utilizar: todas as manhãs, antes de se levantar da cama, a utilizadora deve medir a temperatura do corpo com um termómetro de duas casas decimais e inserir a informação na app. Os dias que aparecerem a verde são aqueles em que não está fértil – pode, portanto, ter relações sexuais sem correr o risco de engravidar – e a encarnado aparecem os dias em que está fértil e em que poderá engravidar, caso tenha relações sem o uso de outros métodos contracetivos. A aplicação pode ajudar a planear uma gravidez ou a evitá-la – tudo depende do objetivo da utilizadora.

O controlo do ciclo menstrual através da temperatura é um dos métodos contracetivos mais antigos e, segundo os estudos conduzidos pela Natural Cycles, a aplicação tem demonstrado ser "tão eficaz quanto a pílula". Um estudo recente, publicado pelo Contraception Journal, registou um índice de Pearl (número de gravidezes que ocorrem em cem mulheres que utilizam o método durante um ano) de 1,0 em uso correto e de 6,9 em uso corrente. Ou seja, o estudo concluiu que a utilização do método sob as condições ideais garante a eficácia da aplicação em 99% das mulheres; se forem tidos em conta os condicionamentos do quotidiano e a possibilidade de alguns erros, a eficácia passa para os 93%. No caso da pílula, combinada e sem estrogénio, o índice de Pearl é de 0,3 em uso correto e 9,0 em uso corrente.

Claro que é importante ter em conta que, apesar de credíveis, tais estudos estão condicionados a um grupo de população muito específico; segundo os médicos ginecologistas, estes métodos costumam ter uma maior margem de erro. E embora os benefícios dos métodos naturais sejam inegáveis, muitos profissionais de saúde defendem a pílula e outros métodos químicos acima dos naturais: além da prevenção altamente eficaz da gravidez, acrescentam-se os benefícios de fluxos mais pequenos e da prevenção de dores menstruais.

Não existe ainda um método contracetivo que seja ideal para todas as mulheres e por isso é importante estar disponível uma grande variedade de escolhas. Segundo a autoridade do medicamento, a Natural Cycles é um produto que se destina "a mulheres saudáveis com idades entre os 18 e os 45 anos". Além dos países ocidentais em que a aplicação está mais presente, houve também uma boa aceitação "nos mercados em que a contraceção tradicional não é culturalmente aceite".

Elina Berglund disse ao jornal Público que já há, em todo o mundo, 400 mil utilizadoras da sua app, das quais mil vivem em Portugal. A subscrição tem o custo mensal de €8,99 ou o valor anual de €64,99.
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
A Máxima recomenda
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!