Atualidade

Casamento gay só se realizou em metade dos concelhos nacionais

Em metade dos municípios portugueses nunca se celebrou um casamento gay.
Por Margarida Ferreira, 25.09.2017

Quando, em 2010, se aprovava o casamento gay em Portugal, talvez não fosse esperado que tantos casais se casassem num tão curto espaço de tempo. Mas a verdade é que foi isso que aconteceu. Alguns por motivos burocráticos, como poder visitar o parceiro/a em caso de internamento ou poder tomar alguma decisão em caso de invalidez. Outros simplesmente por fazer parte dos seus planos de vida. Entre 2010 e 2016, 2.299 casais homossexuais casaram-se em Portugal, mas a distribuição pelo território não foi homogénea. Em 47% dos concelhos portugueses nunca se realizou um casamento gay e tudo está relacionado com a densidade populacional.

Segundo os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), em 64% dos municípios onde a densidade populacional é inferior a 50 habitantes por quilómetro quadrado nunca houve nenhum casamento entre pessoas do mesmo género. Já nos 20 municípios com mais casamentos gay existem, em média, 2.076 habitantes por quilómetro quadrado.

No pódio ficam os municípios de Lisboa (com 731 casamentos), Porto (264) e Sintra (88). A diferença, segundo o que Paulo Vieira, vice-presidente da Não Te Prives, uma organização dedicada ao combate à discriminação por questões de género e orientação sexual, defendeu ao jornal Público, é normal que existam mais casais homossexuais nas grandes cidades tendo em conta que é aí que existem "mais redes de estabilidade", como associações ou espaços de convívio.

Também o presidente da Associação Opus Gay, António Serzedelo, explicou porque é que existem mais casais homossexuais em alguns sítios do que noutros. No litoral, as pessoas "estão mais habituadas a ver pessoas ‘diferentes’ do que quem habita no interior". Por exemplo, no Alentejo, existiram apenas 34 casamentos gay.

Apesar da disparidade entre os municípios portugueses, o número de casamentos homossexuais tem crescido em Portugal, sendo que 1.474 dos 2.299 casamentos foram entre homens e apenas 825 foram casamentos entre mulheres. Já o matrimónio entre pessoas do sexo oposto tem vindo a decrescer. Em 2011, registaram-se 35.711 casamentos, enquanto em 2016 ocorreram apenas 31.977.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
A Máxima recomenda
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!