Notícias

73 anos depois, o MoMA de Nova Iorque volta a ter uma exposição sobre moda

São mais de 100 peças de roupa e acessórios que fazem parte da nova exposição do Museum of Modern Art, em Nova Iorque. Items: Is Fashion Modern? quer pôr-nos a falar sobre moda, o que não acontecia desde 1944.
Por Marta Carvalho, 28.09.2017
Um par de Levi’s 501, frascos de Chanel nº5 e uma simples T-shirt branca: três dos 111 objetos universais que estarão reunidos na nova exposição do MoMA, o museu de arte moderna de Nova Iorque, aberta ao público a partir do dia 1 de outubro deste ano. Foram necessários seis meses para encontrar as peças ideais para esta nova exposição, que reúne as melhores versões do clássico Little Black Dress, variações do hijab e até um par de ténis All Star Converse. O objetivo foi juntar objetos que tiveram – e continuam a ter – um profundo impacto no mundo ao longo do último século. Peças intemporais e icónicas, usadas por avós, pais e netos.

Com curadoria de Paola Antonelli, Items: Is Fashion Modern? é quase uma extensão da última exposição de moda organizada pelo museu há 73 anos, que perguntava Are Clothes Modern? e explorava relações individuais e coletivas com a roupa em tempos de guerra e conservadorismo. E embora esta nova coleção inclua algumas peças conceptuais feitas por designers ? como é o caso, por exemplo, do famoso vestido A-POC de Issey Miyake ?, a ideia não é explorar a singularidade de determinadas criações. Como Antonelli explica em entrevista ao site do projeto Sotheby’s Museum Network (uma espécie de motor de busca especializado em museus), "o que está em destaque aqui não é a personalidade do designer, um estilo específico ou uma era. O foco está na atenção dada a um objeto individual".

As peças, que à partida poderão parecer aleatórias, estarão distribuídas em espaços separados por temas: uma área dedicada aos conceitos de tamanho e forma apresentará peças como o wonderbra, enquanto outra sala explorará o tema da relação entre a modéstia e a rebeldia com hoodies, camisolas de gola alta, hijabs e biquínis.

Paola Antonelli, que trabalhou em tempos no gabinete de relações-públicas da Armani, explica que parte do processo de pesquisa passou pela observação de quem passava por ela na rua. Não querendo limitar a seleção aos Estados Unidos e à cultura Ocidental, acabou por visitar países como a Coreia, o Japão e a Índia de forma a trazer referências de outras culturas para a exposição.

Embora o MoMA seja conhecido por abordar temas mais relacionados com a arte e outras áreas do design, a curadora defende que a história da arte moderna não poderia ser escrita sem o recurso à moda. Abordando temas como a sustentabilidade, o género e a produção industrial num mundo globalizado, Items: Is Fashion Modern? acaba de se tornar paragem obrigatória para todos os que passem por Nova Iorque entre os dias 1 de outubro e 28 de janeiro de 2018.
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
A Máxima recomenda
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!