Fotogalerias

As viagens de comboio mais belas do mundo

Por Máxima, 18.09.2017
IRLANDA: Belmond Grand Hibernian | Uma viagem de Dublin até Cork ou Belfast. A decoração dos quartos faz lembrar o estilo dos hotéis da era Georgiana. Tem capacidade para 40 pessoas e estão disponíveis viagens de dois, quatro e seis dias.
ARGENTINA: Train to the Clouds | Uma viagem que começa em City of Salta, a 1187 metros de altitude, e vai até La Polvorilla, a 4200 metros.
CANADÁ: The Canadian | Dura três dias e passa por maravilhosas paisagens campestres, entre Toronto e Vancouver. Do menu a bordo fazem parte alguns dos mais tradicionais pratos, para que todos fiquem a conhecer a gastronomia local.
SÉRVIA E MONTEGNEGRO: Belgrade to Bar | Uma viagem entre a capital sérvia e o Mar Adriático, que inclui passagens por 254 túneis e 435 pontes. O preço da viagem é de 21 euros.
ÍNDIA: Royal Rajasthan on Wheels | Este comboio é um verdadeiro palácio em cima de rodas. Desde a decoração aos próprios menus (o comboio tem dois restaurantes), muito ao estilo da realeza. Faz uma viagem de sete noites por alguns dos principais templos indianos, culminando com uma visita ao Taj Mahal.
SUÍÇA: Glacier Express | Uma maravilhosa experiência pelos Alpes, durante oito horas, e que vai desde Zermatt a St. Moritz. Crianças com menos de seis anos não pagam bilhete e até aos 16 anos têm desconto de 50%.
AUSTRÁLIA: The Ghan | Uma viagem de norte a sul da Austrália, entre as cidades de Darwin e Adelaide. Passa por locais que jamais conseguiria visitar de outra forma. O comboio faz paragens pelo interior profundo da Austrália.
SUÍÇA: Gotthard Panorama Express | Esta viagem de cinco horas começa de barco para atravessar o lago Lucerna. Só depois se passa para o comboio que nos leva dos Alpes até Lugano.
JAPÃO: Suite Shiki-shima | Um comboio que conta apenas com 10 cabines e onde é servida a cozinha kaiseki, criada por Katsuhiro Nakamura, o primeiro chef galardoado com uma estrela Michelin.
REINO UNIDO: Caledonian Sleeper | Comboio que viaja entre a Escócia e Londres, durante a noite. Existem vários destinos à escolha, desde Aberdeen, Edimburgo, Fort William, Glasgow ou Inverness. Quem viaja em primeira classe dorme num quarto privado, mas mesmo os lugares de económica são especiais e com todo o conforto.
ÁFRICA: Shongololo Express | Há três rotas disponíveis neste comboio, de 12 a 15 dias de duração, e que passam por locais como a Namíbia, Suazilândia, Moçambique e Zimbabué.
RÚSSIA: Golden Eagle Trans-Siberian | Uma viagem de 16 dias, com partida de Vladivostok até Moscovo. Uma das zonas mais emblemáticas por onde passa é o Lago Baikal, o mais profundo lago do planeta Terra. A viagem inclui diversos pontos altos, nomeadamente uma visita guiada ao Kremlin.
NOVA ZELÂNDIA: Tranz Alpine | São nove horas de percurso entre Christchurch e Greymouth, que passa à beira do rio Waimakariri. Esta é uma das viagens de comboio mais longas, cobrindo 223 quilómetros, em apenas cinco horas.
ÁFRICA DO SUL: Blue Train | Uma viagem que é feita durante a noite, entre Pretória e a Cidade do Cabo, e que faz uma paragem especial na estação das minas de diamantes de Kimberley.
EUROPA: Expresso do Oriente | Uma viagem histórica entre Londres e Veneza. Pelo caminho é feita uma passagem por Paris, enquanto prova um luxuoso jantar, e outra na Suíça, a horas de lhe servirem croissants acabados de fazer.
CALIFÓRNIA: California Zephyr | Um comboio que parte todos os dias de Chicago e San Francisco e que passa pelas Rocky Mountains, Sierra Nevada e pela costa do Pacífico.
IRLANDA: Belmond Grand Hibernian | Uma viagem de Dublin até Cork ou Belfast. A decoração dos quartos faz lembrar o estilo dos hotéis da era Georgiana. Tem capacidade para 40 pessoas e estão disponíveis viagens de dois, quatro e seis dias.
As viagens de comboio mais belas do mundo
Ver comentários
Últimas Fotogalerias

Comentários

0 Comentários
As mais vistas

Notícias Máxima por Categorias