Fotogalerias

33 curiosidades sobre o Príncipe Harry

Por Máxima, 15.09.2017
Diana chamava-lhe ‘My little Spencer’ por causa do cabelo ruivo, herdado da família de Diana, os Spencer.
Quando eram mais pequenos, e ao contrário do que se possa pensar, era William quem tinha a fama de ‘terrível’.
Em Highgrove, a zona onde se encontra a casa de campo da família, Harry chegou a ter um coelho de estimação que se escondia numa toca ao lado dos estábulos, onde tanto Harry como William passavam sempre algum tempo entretidos.
A sua paixão pela prática do polo começou bastante cedo. Foi com apenas 4 anos que começou a treinar em cima de um pónei.
Consta que a princesa Diana tinha ciúmes das amas de Harry e William e que chegou a despedir algumas sem qualquer aviso prévio.
Na escola londrina Jane Mynor, onde entrou com três anos, não foi fácil para o pequeno Harry fazer amigos. Na altura terá sofrido de bullying.
 Mais tarde, conseguiu finalmente desenvolver amizades, tendo chegado a participar nos teatros das festas de Natal, nas quais também discursava.
Pelo facto de fazer anos só em setembro, entrou para a escola de Ludgrove ainda com sete anos, em 1992.
Pela mesma razão, fez um ano extra naquela escola (logo após a morte da mãe), para poder entrar no colégio de Eton aos 14 anos e não aos 13.
Harry terá começado a beber álcool com apenas 12 anos e experimentou o primeiro cigarro aos 8.
Teve uma conta falsa de Facebook, na qual se chamava Spike Wells.
Foi durante esse inverno de 1998 que Harry se apaixonou por África. Acompanhou o pai numa viagem ao Botswana e à África do Sul e teve a oportunidade de conhecer Nelson Mandela e as Spice Girls.
Um dos seus filmes preferidos é o Zulu. Um filme de 1964 sobre a batalha anglo-Zulu no sul de África.
Quando começou a estudar em Eton, muitos dos colegas acharam-no snob. Harry teve dificuldades em conseguir notas boas e sofreu com as comparações que faziam com o irmão William.
A carreira militar de Harry começou no terceiro ano de Eton. No último ano conseguiu o título máximo de Cadete Oficial.
Foi mais ou menos por esta altura que as saídas em festas de Harry começaram a tornar-se mais intensas.
Harry foi a tribunal sob acusações de ter usado alguém para escrever parte dos seus exames escolares. Uma investigação concluiu que afinal estava inocente.
 Um dos melhores amigos de Harry, Henry van Straubenzee, morreu num acidente de carro em 2002.
Durante o ‘gap year’, antes de ingressar na academia militar, Harry trabalhou numa quinta na Austrália. A pressão da imprensa fez com que não pudesse sair muitas vezes de casa.
No mesmo ano, esteve um tempo também em África, onde conheceu a ex-namorada Chelsy Davy.
Harry aproveitou também aquela pausa e inscreveu-se na English Rugby Football Union.
Antes do escândalo que saiu no jornal News of the World, ligado a conteúdos telefónicos da família real que foram expostos, tanto Harry como William acharam que tinham sido traídos por alguns amigos. Mais tarde, veio a comprovar-se que tinham sido mesmo hackers a conseguir tal feito.
Em 2005, Harry foi protagonista de mais um escândalo, ao aparecer com um uniforme nazi numa festa.
Depois de ter ingressado na Universidade de Sandhurst, Harry juntou-se à Household Cavalry e tentou fazer parte das equipas militares que estavam a trabalhar no Iraque. Mas só em 2007 conseguiram integrá-lo no Afeganistão durante a Operação Herrick.
Desde então, Harry tem visitado várias zonas com soldados ingleses em combate e a sua solidariedade para com eles é já lendária. Certa vez, deixou uma pequena mensagem a um soldado em coma: “Por amor de Deus, amigo. Vim visitar-te e o que é que estavas a fazer? Estavas a dormir uma sesta.”
As qualidades de piloto de Harry têm sido sempre muito gabadas entre os mais altos cargos militares britânicos.
Uma vez, quando fez uma caminhada com veteranos de guerra pelo Polo Norte, Harry levou um bolo de gelado gigante para partilhar. Conseguiu na época algumas alcunhas como ‘H’, ‘Hazza’ e ‘Spike’.
Harry adora crianças: “A coisa mais importante para mim são as crianças. Não sei se terá sido influência da minha mãe ou do meu pai. Apenas tenho esta enorme criança dentro de mim. Sempre tive uma ligação com as crianças e julgo que sempre terei”, revelou durante um evento solidário.
Harry conheceu a ex-namorada Cressida Bonas em 2012, através da prima, a princesa Eugenie. Mas só começaram a namorar em 2013.
Em 2012, Harry surgiu nu na capa de vários jornais, depois de ter sido apanhado daquela forma durante uma festa em Las Vegas.
O rendimento de Harry e William ainda lhes é dado pelo próprio pai, o príncipe Carlos.
Consta que os pais de Kate Middleton não adoram Harry. Acham-no demasiado brincalhão e informal.
Harry desenvolveu a ideia dos Invictus Games depois de ter participado nos Warrior Games, no Colorado, na primavera de 2013.
Diana chamava-lhe ‘My little Spencer’ por causa do cabelo ruivo, herdado da família de Diana, os Spencer.
33 curiosidades sobre o Príncipe Harry
Ver comentários
Últimas Fotogalerias

Comentários

0 Comentários
As mais vistas

Notícias Máxima por Categorias