Especiais

A história secreta por detrás do anel de noivado de Isabel II

A mãe do príncipe Philip teve um gesto generoso para ajudar o filho a encontrar o anel de noivado perfeito.
Por Ângela Mata, 01.11.2017

Isabel II tem várias peças de joalharia, mas há uma em especial que nunca deixa de usar: o anel de diamantes de três quilates que lhe foi oferecido pelo marido no dia de noivado.

Mais bonito do que o anel em si é a história que está por detrás dele. Os diamantes que fazem desta uma joia inigualável pertenceram originalmente a uma tiara da princesa Alice of Battenberg, mãe do príncipe Philip e bisneta da rainha Victoria.

Em 1946, quando Alice soube que o filho planeava casar-se com Isabel II, resolveu oferecer-lhe a mesma tiara que tinha recebido no seu dia de casamento, com o objetivo de ser transformada num anel.

A partir desse momento, o príncipe pediu ajuda ao joalheiro Philip Antrobus, em Londres, para desenhar ele próprio o anel que iria oferecer à rainha de Inglaterra. Com a mesma tiara ainda conseguiu retirar diamantes suficientes para criar uma pulseira que ofereceu à rainha no dia do casamento de ambos.

Mas há mais: a história desta peça remonta à dinastia Romanov, da Rússia. Tudo porque a tiara foi oferecida à princesa Alice pelo Czar Nicholas II e pela Czarina Alexandra da Rússia. 

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!