Tesouros de beleza
05/07/20120
Inspirada nas incalculáveis e desconhecidas riquezas existentes no fundo dos oceanos, a Biotherm acaba de lançar a próxima geração de cosméticos. A Máxima foi descobri-la no Oceanário de Lisboa.
/
  • Tesouros de beleza
  • Tesouros de beleza
  • Tesouros de beleza
  • Tesouros de beleza
  • Tesouros de beleza
  • Tesouros de beleza

Sabia que apenas cinco por cento dos nossos oceanos foram até agora explorados? E que, por cada nova espécie identificada, estima-se que quatro permaneçam desconhecidas? É o maior tesouro da humanidade e é nos oceanos que se encontra uma biodiversidade que esconde os maiores segredos, uma energia infindável e recursos preciosos. As águas do nosso planeta cobrem 70% da sua superfície e chegam a atingir 11 quilómetros de profundidade. Não admira, portanto, que o alcance do Homem seja tão limitado e que a vida ali seja cinco vezes maior do que a existente em terra. Diz-se até que sabemos mais sobre a Lua do que sobre os oceanos.

As águas do nosso planeta são ricas em milhões de microorganismos, plâncton e algas, todos eles com propriedades poderosas e únicas.

BIODIVERSIDADE AQUÁTICA

Até 1950, pensava-se que as profundezas dos mares eram privadas de qualquer tipo de biodiversidade. Trata-se da última fronteira do planeta, que sempre foi explorada pela Biotherm desde a sua origem. E são os microscópicos seres dos oceanos – uma maioria invisível – que estão a causar ondas no seio da marca. A busca de moléculas reparadoras do ADN, da bioluminiscência dos organismos ou do potencial das algas, tem vindo a ser cada vez mais pesquisada e dá agora os seus frutos.

Há 60 anos, a Biotherm teve a visão de explorar os oceanos como fonte de novos ingredientes, tendo descoberto o plâncton termal, o seu ingrediente-estrela.

Pioneira em biologia da pele desde 1952, a Biotherm sempre explorou o poder da vida submarina para desvendar as soluções mais avançadas que possam atuar desde o interior das células. Foi através de uma pesquisa intensiva que alcançou alguns dos seus maiores êxitos em cuidados cutâneos.

Agora, em 2012, a Biotherm dá um passo em frente na evolução dos cuidados de pele, lançando uma nova geração de produtos. As águas do nosso planeta são ricas em milhões de microrganismos, plâncton e algas, todos eles com propriedades poderosas únicas. Tão ricas que, a cada dia, são descobertos novos horizontes para a ciência, saúde e beleza. Através de um profundo conhecimento em biotecnologia, são conjugados ingredientes aquáticos altamente eficazes com texturas frescas e sensoriais, que tornam a pele visivelmente mais saudável, forte e luminosa. Todos os dias as águas do planeta desvendam os seus segredos, à medida que os cientistas de todo o mundo descobrem novas formas de vida aquática, com propriedades únicas que inauguram novas fronteiras para a ciência e para a humanidade. Nos tratamentos de pele, a descoberta do microrganismo aquático hidratante Vitreoscilla filiformis abriu pela primeira vez um mundo de possibilidades para os biólogos da Biotherm. Décadas de pesquisa sobre o potencial deste ingrediente único, conhecido por Plâncton Termal Puro, permitiram aos investigadores desenvolver um conhecimento sem precedentes sobre o cultivo de microrganismos. Do processo de extração até à engenharia do tecido da pele, os laboratórios Biotherm são responsáveis pelos últimos avanços tecnológicos, desvendando o efeito deste ingrediente na pele, comprovando a sua eficácia.

 

BIOTECNOLOGIA AQUÁTICA

Os investigadores usaram o cultivo de microrganismos, em conjunto com as biotecnologias mais modernas, para criarem a Blue Biotechnology Platform, uma plataforma pioneira responsável pela pesquisa, extração e cultivo de novos ingredientes da biodiversidade aquática desenvolvida este ano. A Biotherm criou uma nova geração de tratamentos de pele, que integra ativos de ecossistemas aquáticos pouco explorados, ao mesmo tempo que respeita e preserva esses habitats aquáticos.


AQUASOURCE NUIT

A Biotherm descobriu ainda o P. antarctica, um microrganismo que sobrevive nos terrenos gelados da Antártida. Este microrganismo tem uma capacidade “anticongelante” que evita que os seus reservatórios de água congelem. Transportado para a pele, ajuda-a a manter as suas reservas naturais de água, prevenindo a desidratação. O novo Aquasource Nuit junta as propriedades deste novo ingrediente à hidratação intensa da Mannose e ainda à riqueza dos nutrientes do Plâncton Termal Puro. Desta forma, a pele mantém-se hidratada durante a noite, altura em que perde quatro vezes mais água do que durante o dia.

 

PURE.FECT

A Laminaria digitata é uma macroalga castanha de enorme robustez. Uma vez que está exposta a mudanças de marés, necessita de se defender dos raios UV e, acima de tudo, tem de resistir ao ataque contínuo das bactérias. Este microrganismo está presente na nova linha de tratamentos de rosto Pure.Fect, enriquecida com zinco que reduz significativamente a produção de sebo e aumenta as propriedades antibacterianas.

 

FIRM CORRECTOR

Para resistir à destruição provocada por um stress mecânico contínuo, a Laminaria ochroleuca, o ingrediente-chave de Firm Corrector, passa para um estado de firmeza e rigidez devido a um mecanismo complexo hidroestático que se encontra nas células. Na pele, este extrato tem uma ação de firmeza, hidratante e tonificante.

 

EAU OCÉANE

A nova fragrância de Biotherm é composta por água do mar e por iões negativos que, ao contrário do nome, reproduzem uma sensação positiva de bem-estar à beira-mar. A água das profundezas do mar é mais rica em minerais do que a água normal. Extraída da Costa do Granito Rosa, em França, tem elementos-chave para a vitalidade da pele, como magnésio, sílica e zinco. É também rica em cálcio e potássio, conhecidos por aumentarem a função da barreira da pele, promovendo a hidratação e a revitalização.

#hashtag |
Faltam 300 caracteres
    ver mais
    A sugere
    Assine a revista
    Edição digital
    Newsletter