Rosto&Corpo

Guia de beleza: sobrancelhas

São muitas vezes deixadas ao abandono ou assassinadas com a pinça – mas não deviam, porque as sobrancelhas são a moldura do rosto. Mas nem tudo está perdido. Antónia Rosa, a expert em quem confiamos de olhos fechados, diz-nos tudo o que temos de saber para não voltar a errar.
Por Margarida Ferreira, 25.08.2017

Não devíamos deixar as sobrancelhas para segundo plano: são elas que potenciam o olhar e que podem realçar os traços do rosto. Mas não é fácil cuidar delas – é preciso encontrar um equilíbrio algures entre não lhes mexer muito nem muito pouco.

A importância das sobrancelhas é muita e, por isso, os cuidados a ter com elas não podem ser deixados ao acaso – o tamanho e o formato deve estar sempre em harmonia com as feições do rosto. Quando são mal depiladas, as sobrancelhas podem criar uma desproporcionalidade visual e dar ao rosto um aspeto pouco natural. Para saber tudo o que devemos fazer (e o que nunca podemos tentar em casa), a Máxima falou com Antónia Rosa, make-up artist e especialista em sobrancelhas. Estes são os cuidados essenciais a ter.

 

Investir numa pinça de qualidade

A ferramenta que utilizamos também condiciona a qualidade do trabalho. No caso das sobrancelhas, uma boa pinça vai também fazer diferença pois evita que corte o pêlo, em vez de o arrancar e, assim, os pelos vão nascer de forma uniforme. Além disso, o pêlo deve ser sempre retirado no sentido do seu crescimento. Para Antónia Rosa, além de uma pinça de qualidade, há outros fatores a ter em conta quando arranjamos as sobrancelhas em casa: "é importante nunca depilar sob stress e escolher um sítio com boa luz".

 

Nunca retirar mais pêlos do que o necessário

Muitas mulheres têm tendência para retirar demasiados pêlos, deixando que a sobrancelha perca o seu formato natural. "Pensar que a tendência das sobrancelhas muito depiladas ajuda a dar expressão ao olhar está completamente em desuso. Devemos sempre tentar identificar qual é o formato mais adequado ao nosso rosto, mas hoje sabemos que a tendência é selvagem mas cuidada. Por isso, retire só mesmo o que está por fora da linha ou na pálpebra superior, para ter um ar mais clean, mas sem retirar ou dar demasiada expressão ao rosto", explica Antónia Rosa. A inspiração é, portanto, menos Kate Moss nos anos 90 e mais Cara Delevingne ao naturel.  

 

Mantenha o formato natural

Há vários aspetos a ter com conta no que diz respeito ao formato das sobrancelhas. Em primeiro lugar não nos podemos esquecer que é na parte superior da sobrancelha que se define o seu formato e, por isso, devemos apenas retirar os poucos pêlos que estão a mais. "Por outro lado, devemos ter também em atenção que o arco não pode ser demasiado pequeno. A sobrancelha deve ser um pouco mais comprida do que o canto exterior do olho; e não deixe que a sua sobrancelha termine demasiado fina. Ainda que deva ser mais fina que o canto interior, convém que não perca o seu formato natural", descreve a expert.  

 

Preencher falhas

Preencha as falhas das sobrancelhas com maquilhagem ou com pigmentação permanente da pele. Mas é preciso ter algum cuidado - as sobrancelhas demasiado carregadas e delineadas podem tornar-se pouco naturais. Há já muitos produtos específicos para o preenchimento de sobrancelhas mas use-os com moderação. Para Antónia Rosa, quando se utiliza maquilhagem é importante "só preencher algumas falhas, sem desenhar totalmente a sobrancelha. Mas se ainda assim gostar ou estiver habituada a usar muita maquilhagem, nunca desenhe demasiado a cabeça da sobrancelha. Torna o olhar mais sério e agressivo".

 

Deixe-as crescer!

Recuperar uma sobrancelha desgastada pode levar meses. Mas nem tudo está perdido: além de existirem produtos que duplicam o crescimento, Antónia Rosa aconselha a utilizar óleo de amêndoas doces, "para fortificar, dar brilho e dominar o pêlo". Massaje em movimentos circulares, vai ativar a circulação e os pêlos crescem mais depressa.

 

As sobrancelhas querem-se simétricas, mas não é preciso que estejam rigorosamente iguais

Normalmente existe um lado com o qual conseguimos trabalhar melhor e podemos correr o risco de ficar com formatos muito diferentes entre as duas sobrancelhas. Não queremos que fique com uma sobrancelha mais grossa do que a outra. No entanto, deixe-as com um aspeto natural. Para uma depilação bonita e natural não precisa de as medir com régua e esquadro. Ainda assim, Antónia Rosa reforça a importância de procurar um especialista (da sua confiança ou recomendado) para as arranjar - de preferência, alguém que prefira a pinça à cera, já que esta última desgasta a epiderme.

 

Cuidado com o espaço entre sobrancelhas

Por vezes, com medo das unibrows, as mulheres acabam por criar demasiado espaço entre as sobrancelhas, o que acaba por resultar num aspeto muito pouco natural. As sobrancelhas devem começar por cima do canto interno do olho. Se tiver os olhos muito separados pode aproveitar para tentar corrigir, deixando um espaço menor entre as sobrancelhas.

 

Deixe que haja contraste entre o cabelo e as sobrancelhas

Ficou para trás (algures nos anos 90) a tendência de pintar as sobrancelhas da cor do cabelo. Mesmo que o seu cabelo esteja pintado de tons avermelhados, o castanho é sempre a melhor opção, seja em tinta ou lápis de sobrancelhas. Opte por um tom mais claro ou mais escuro consoante a cor do seu cabelo.

 

 

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
A Máxima recomenda
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!