Bem Estar

5 plantas que podemos facilmente cultivar em casa

Mariano Bueno, agricultor espanhol especializado em agricultura biológica, diz-nos o que podemos plantar no quintal, na varanda ou até mesmo no balcão da cozinha.
Por Rita Silva Avelar, 29.03.2017
Acaba de publicar A horta-jardim biológica e veio a Portugal para ensinar as crianças da Escola Básica N.º 1 de Lisboa. Mariano Bueno é um dos maiores divulgadores europeus da agricultura biológica, e o lançamento deste livro foi o culminar de uma pesquisa intensa, ao longo de 40 anos, sobre alternativas à agricultura industrial. Em entrevista à Máxima, revela como tudo começou: "Foi uma necessidade. A minha paixão era a agricultura, até porque nasci numa família de agricultores. Aos 14 anos decidi que os estudos não eram para mim e que queria trabalhar a terra. Nos anos 70, trabalhava-se muito com químicos, pesticidas, e tive a sorte de ter uma pequena formação de agricultura tradicional. Foi aí que me dei conta que poderíamos ir buscar alternativas. Na altura, tinha muitos problemas de saúde, mudei a alimentação para vegetariana e descobri que existia um mundo da agricultura biológica. Aos 17 anos saí de casa dos meus pais para estudar em França. Há 40 anos que estudo o tema e continuo a aprender todos os dias. A minha paixão não é só aprender mas sobretudo descobrir como fazer crescer melhor as plantas, o que melhor as favorece, como se podem autoproteger, como podemos torná-las ainda mais saborosas, como podem ser mais saudáveis. Depois, sou apaixonado em divulgar: como cultivar sem envenenar a terra, de forma a proteger as pessoas e o Planeta. Grande parte da poluição do nosso planeta deve-se à agricultura industrial", sublinha.

No livro, Mariano Bueno mostra que é possível cultivar em pequenos espaços como terraços, varandas, bancadas de cozinha ou até mesmo nos telhados. Fala de fertilidade, pragas e dedica várias páginas às hortícolas mais frequentes, às plantas ornamentais de cultivo fácil, às flores (como alimento) e ainda à Natureza como terapia. Em exclusivo para a Máxima, revelou quais as cinco plantas fundamentais (e ricas) que devemos cultivar em casa.

Manjericão
"É uma planta maravilhosa porque, além de ter um bom sabor, tem substâncias antidepressivas, sobe o ânimo. É bom cultivá-la porque favorece o sistema imunitário de todas as plantas que a rodeiam. Quando se cultiva ao lado de tomate, pimentos ou beringela não há bichos. Há quem ponha mesmo folhas de manjericão na terra no cultivo de batatas e consegue-se mais 40% de produção se há folhas de manjericão."

Rúcula
"É amarga mas é da família das crucíferas e todas elas têm substâncias de rejuvenescimento celular que promovem a vitalidade e a longevidade."

Stevia
Além de ser muito fácil cultivar em climas como o nosso, a folha é dez vezes mais doce que o açúcar, seca é trinta vezes mais doce e o mais importante é que tem substâncias que "regulam a função do pâncreas e curam a diabetes II. Comer três folhas de stevia é suficiente para substituir o açúcar. É um edulcorante natural".

Aloe vera
"Cura tudo e é muito saudável. Toda a gente deveria ter em casa. Pode ser usada também como creme de beleza."

Salsa
"Tem dez vezes mais vitamina C que a laranja, por exemplo, e é fácil de utilizar como condimento na cozinha. Tem muitas propriedades ao nível do sabor e beneficia a saúde."
 
Partilhar
Ver comentários
A Máxima recomenda
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!