Saúde

15 mitos falsos sobre a dieta

Descubra aqui as mentiras e as verdades sobre a perda de peso.
Por Máxima, 10.08.2016
O verão aproxima-se, e com ele chega a corrida à boa forma física, a tão apelidada "operação biquíni". Os workouts multiplicam-se em exercícios que fortalecem as pernas, torneiam as costas, alisam as barrigas, levantam o rabo, num ou noutro ajuste, aqui e ali. Mas ainda persistem alguns mitos falsos sobre como conseguir o corpo perfeito em poucos meses, num regime que implica perda de peso. Nós desmistificamos. 

  1. 1. Os snacks engordam
Se o snack for um chocolate familiar, é certo que sim. Pode sempre optar por pequenas tostas de abacate ou de manteiga de amendoim, sempre em pequenas doses.

  1. 2. Nunca se deve comer fast-food
Apesar de escassas em nutrientes, as refeições fast-food não têm de ser completamente excluídas. Opte por cozinhar um hambúrguer ou uma pizza em casa com ingredientes de qualidade, como os vegetais biológicos.
  1. 3. Para perder peso é obrigatório deixar de comer hidratos de carbono
Não devem ser excluídos, pois são imprescindíveis e a base da pirâmide alimentar. Consuma-os só a partir das 15h, opte pelas versões integrais do arroz, do pão e das massas.
  1. 4. Só se devem comer alimentos queima-gorduras
Ouviu falar de uma sopa milagrosa à base de tomate, cebola e couve que queima-gorduras? Pois bem, é um mito. A sua ingestão tem um efeito diurético e ajuda na retenção de líquidos, mas é só, não existem milagres.
  1. 5. Se fizer exercício não é necessário fazer dieta
Um erro constante: depois de correr 5km ao final do dia acha que pode, de seguida, comer um kebab cheio de molhos? Se antes queimou 650 calorias, agora acaba de ganhar 1000.
  1. 6. Comer só alimentos light emagrece mais rápido
Ainda que sejam reduzidos em 33% ao nível das calorias, os alimentos light não deixam de as ter. Se não forem consumidos de forma moderada, não existirá diferença para a versão normal.
  1. 7. Suar muito a fazer exercício é sempre sinónimo de perda de peso
Foram perdidas várias quantidades de líquidos, que devem ser recuperadas a beber água, ou existe risco de perda de força muscular e fraqueza.
  1. 8. Os alimentos integrais são light
Ser integral nem sempre implica ser light. Os alimentos integrais não devem ser consumidos como se fossem água, só isso não ajuda a reduzir o peso.
  1. 9. Perder peso de forma rápida é um erro grave
Sim e não. Se a dieta for radical é prejudicial à saúde. Se for rápida e com os alimentos certos, mais saudáveis, não provoca transtornos alimentares. Quando se inicia uma dieta, é normal perder peso de forma rápida.
  1. 10. É preciso eliminar os açúcares
Se substituirmos o açúcar branco por uma colher de mel ou por açúcar castanho (mais natural) as calorias não diferem muito. Ainda assim, são substitutos mais saudáveis. Evite os sumos com gás, e tudo o que tenha aditivos de açúcar.
  1. 11. Comer alimentos sem glúten tem efeito adelgaçante
A intolerância ao glúten não tem nada a ver com a perda de peso. Se não é celíaco/a, não deixe de o consumir.
  1. 12. A dieta vegetariana emagrece
Se pensarmos que os aros de cebola e batatas tem 0% de ingredientes de origem animal e são das comidas mais calóricas…deixa de ser verdade. Ser vegetariano é muito mais do que recusar um hambúrguer e escolher uma salada só com vegetais, é procurar cada vez menos aditivos e optar por orgânicos.
  1. 13. Beber água engorda/beber água emagrece
Nem uma, nem outra. Se a ingestão de água for exagerada, causa efeito de barriga inchada. Se for residual, não ajuda ao metabolismo. É preciso encontrar a medida certa, dependendo do peso.
  1. 14. Quanto menos gordura, melhor
Não. As gorduras insaturadas são tão necessárias como os nutrientes e os hidratos: impedem-nos de sentir fome. Pequenas mudanças como usar azeite em vez de manteiga para cozinhar são o suficiente.
  1. 15. Não se deve comer de noite
Não há problema nenhum em cear, desde que os pratos não sejam pesados e desde que sejam de fácil digestão para que não se transformem em gordura durante a noite.


Por Rita Avelar
 
Partilhar
Ver comentários
A Máxima recomenda
Os membros da realeza com mais estilo

Especiais

Os membros da realeza com mais estilo

Da Duquesa de Cambridge à princesa Victoria da Suécia, passando por Charlotte Casiraghi ou Rania da Jordânia. Os membros da realeza que se transformam em verdadeiros ícones de estilo.
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!